PROJETOS COMERCIAIS

Edifício Comercial Green Prime, 2.860m2 – Curitiba, PR, Brasil - inverno/2014



Histórico do projeto. A incorporadora USC Fernandes gostaria, pela primeira vez, construir um edifício de uso comercial em um lote de 672m2 pertencente a um zoneamento regido por uma legislação especifica chamada Plano Massa.
Conceito do projeto. Obter uma edificação que se utilizaria de técnicas construtivas industrializadas e estratégias bioclimáticas para maior eficiência energética e conforto ambienta.
Resolução arquitetônica. Em uma estrutura pré-moldada de concreto de 7 pavimentos, de subsolo ao ático. Adicionou-se uma varanda de manutenção com piso de grade eletrofundida do 2º ao 5º pavimento, destinada aos equipamentos de ar condicionado.
A distribuição espacial é bastante simples, os pavimentos foram desenvolvidos a partir de um eixo central destinado a circulação vertical e outras prumadas. Garagem com 19 vagas (no subsolo e parte do 1º pavimento). Um centro de estética de mais de 500m2 no 1º e 2º pavimento, 4 pavimentos tipos com 5 conjuntos comerciais de aproximadamente 48m2 em cada pavimento. No ático uma área de lazer para confraternizações com saída para um terraço jardim.







 Garagem Urbana, 700m2 – Curitiba, PR, Brasil - verão/2013



Histórico do projeto. O Estúdio foi procurado para propor um projeto que maximizasse a utilização do espaço que até então era apenas um estacionamento e começava a oferecer outros serviços automotivos.

Conceito do projeto. Explorar melhor a área de um lote valorizado onde oferecerá, além do serviço de estacionamento, o serviço de lavagem e polimento automotivo para uma clientela selecionada.

Resolução arquitetônica. Propôs então a execução de um outro pavimento, uma vez que o lote encontra-se abaixo do nível de uma das ruas. Esse novo pavimento ficou no nível da segunda rua e naturalmente serviu de cobertura para o pavimento inferior, assim criando a garagem semi-enterradaNo novo pavimento como uma “linha de produção” organizou as atividades de lavagem e polimento com recepção, espera, lavagem, polimento e expedição. Isso tudo acontecendo em frente a uma espécie de vitrine. Ainda propôs uma pequena loja de acessórios, administração, refeitório, vestiário para os funcionários e um espaço de confraternizações eventuais.


Comércio Anita Garibaldi, 290m2 – Curitiba, PR, Brasil - outono/2010



Histórico do projeto. Desenvolver um projeto para a Administradora de bens Bravo Business para futura locação.

Conceito do projeto. Propor uma loja em um lote comercial de esquina.

Resolução arquitetônica. Optou-se em implantar a loja na esquina e deixando os fundos como vagas de estacionamento uma vez que trata-se de uma faixa não edificável. Na composição utilizou-se uma sequencia de pilares juntamente com um pórtico que marca o acesso principal.








Agência Bancária Bairro Alto, 2.340m2 - Curitiba, PR, Brasil - inverno/2009




Histórico do projeto. Projeto arquitetônico de uma agência bancária de um banco com abrangência nacional.

Conceito do projeto. Oferecer aos clientes acessibilidade segura, espaços amplos, confortáveis e área de estacionamento.



Resolução arquitetônica. Localizada em um terreno de esquina com declive acentuado. Posicionou-se o subsolo para abrigar mais de 30 vagas de garagem à rua secundaria, de menor fluxo. No nível da rua principal fica o pavimento destinado ao atendimento ao público com acesso facilitado. Em salões amplos conjuga-se diferentes atividades de atendimento. Obteve conceito “A” na etiquetagem de eficiência energética PROCEL.